O amor ao próximo como caminho para a verdadeira liberdade segundo Gl 5,13-26

Boris Agustín Nef Ulloa, Rafael Willian Mariano

Resumo


Este artigo apresenta como as raízes judaicas de Paulo de Tarso influenciaram seu ensinamento sobre a centralidade do mandamento do Amor ao próximo. Para expressar a intertextualidade deste mandamento, tomou-se a perícope de Gl 5,13-26. Após aprofundar o contexto das Igrejas da Galácia, indica-se como a infiltração de missionários judaizantes, que buscavam combater o evangelho paulino vivido nessas comunidades, inflamou o zelo apostólico de Paulo. Para sanar este desvio presente entre os Gálatas, o Apóstolo sublinha a graça do mistério de Cristo e o dom do Espírito como fonte do Amor na vida dos batizados, o único caminho capaz de gerar e conduzir para a verdadeira liberdade dos filhos e filhas de Deus. Conclui-se com uma aplicação pastoral da vivência do amor ao próximo nos dias atuais.


Texto completo:

PDF

Referências


BIBLIOGRAFIA

BARBAGLIO, Giuseppe, As Cartas de Paulo II, São Paulo: Loyola, 1991.

BECKER, J., Apóstolo Paulo – Vida, Obra e Teologia, São Paulo: Academia Cristã, 2007.

BÍBLIA, Bíblia de Jerusalém, São Paulo: Paulus, 2002.

BÍBLIA, Tradução José Ferreira de Almeida, São Paulo: SBB, 1995.

BROWN, E. Raymond; FITZMYER, A. Joseph; MURPHY, E. Roland, Novo Comentário Bíblico São Jerônimo – Novo Testamento e Artigos Sistemáticos, São Paulo: Vida Nova, Paulus, 2011.

COTHENET, Edouard, A Epístola aos Gálatas, São Paulo: Paulinas, 1985.

DUNN, D.G. James. Echoes of Intra-Jewish Polemic in Paul’s Letter to the Galatians, Journal of Biblical Literature, Vol. 112, n° 3, 1993.

FERREIRA, Joel Antônio, Gálatas – A Epístola da Abertura de Fronteiras, São Paulo: Loyola, 2005.

FRANCISCO, Exortação Apostólica Evangelii Gaudium – Sobre o anúncio do Evangelho no mundo atual, São Paulo: Paulus, 2013.

FRANCISCO, Exortação Apostólica Pós-Sinodal Amoris Letitia – Sobre o amor na família, São Paulo: Paulinas, 2016.

GALLI, Carlos Maria, La Teología Pastoral de Aparecida – Una de las Raíces Latinoamericanas de Evangelii Gaudium, Roma: Gregorianum 96,1, 2015.

GONZAGA, Waldecir, “A Verdade do Evangelho” (Gl 2,5-14) e a Autoridade na Igreja, Santo André: Academia Cristã, 2015.

HANSEN, G. W. “Carta aos Gálatas”, in: HAWTHORNE, F. Gerald; MARTIN, P. Ralph; REID, G. Daniel, Dicionário de Paulo e suas Cartas, São Paulo: Vida Nova, Paulus, Loyola, 2008, p. 579-593.

MURPHY-O’CONNOR, J., A Antropologia Pastoral de Paulo, São Paulo: Paulus, 1994.

____________________, Paulo – Biografia Crítica, São Paulo: Loyola, 2004.

____________________, Paulo de Tarso – História de um Apóstolo, São Paulo: Loyola, 2007.

NESTLE-ALAND, Novum Testamentum Graece, 28 ed., Stuttgart: Deutsche Bibelgesellschaft, 2012.

NIEDERWIMMER, K. “Eleuthería”, in: BALZ, H.; SCHNEIDER, G., Diccionario Exegético del Nuevo Testamento, vol. I, Salamanca: Ediciones Sígueme, 1996, p. 1318-1326.

PONTIFÍCIA COMISSÃO BÍBLICA, Bíblia e Moral – Raízes bíblicas do agir cristão, São Paulo: Paulinas, 2009.

_____________, O povo judeu e as suas Sagradas Escrituras na bíblia cristã, São Paulo: Paulinas, 2002.

RUSCONI, Carlo, Dicionário do Grego do Novo Testamento, São Paulo: Paulus, 2003.

SCANELLE, Udo, Introdução à Exegese do Novo Testamento, São Paulo: Loyola, 2004.

SILVA, Cássio M. D., Metodologia de Exegese Bíblica, São Paulo: Paulinas, 2000.

SILVA, Rafael R.; PASSOS, João Décio; SOARES, Afonso M. L.. Orientações para a vida: Os Dez Mandamentos e o direito no antigo Israel. In: SOARES, Afonso M. L. e PASSOS, João Décio. (Org.). Teologia e Direito: O mandamento do amor e a meta da justiça. 1a.ed. São Paulo: Paulinas, 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista Encontros Teológicos

ISSN 2525-846X


Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.